Três homens de 18, 26 e 28 anos foram presos nesta terça-feira (26) suspeitos assassinar dois jovens de 18 e 23 anos no dia 25 de outubro do ano passado, no bairro Palmares, região Nordeste da capital.

A operação foi realizada pela Polícia Civil. Durante o cumprimento de mandados ainda foram apreendidas drogas, uma pistola calibre 40, dinheiro, relógios, celulares, eletrodomésticos e uma balança de precisão.

Segundo as investigações, a briga entre vítimas e investigados teria iniciado dentro da boate, em função de um mal entendido por causa de uma mulher. As vítimas foram brutalmente agredidas pelo grupo dos suspeitos.

Outros levantamentos mostraram que o dono da boate orientou os seguranças a retirarem os corpos do local a fim de desvincular a imagem do estabelecimento com o fato. Por essa razão, eles serão indiciados por fraude processual e omissão de socorro.