Três militares são indiciados por assassinato de policial civil em Malacacheta

Hoje em Dia
18/08/2015 às 17:33.
Atualizado em 17/11/2021 às 01:24
 (Facebook/Reprodução)

(Facebook/Reprodução)

Três policiais militares foram indiciados pela Polícia Civil, em um inquério concluído nesta terça-feira (18), sobre a morte do investigador Vandir Rodrigues Ferreira, de 42 anos, ocorrida em 24 de setembro do ano passado, em Malacacheta, no Vale do Mucuri.   A investigação apontou que os militares tinham comparecido ao local para atender a uma ocorrência de perturbação do sossego, feita contra a vítima por um terceiro militar, também indiciado.   O investigador da Polícia Civil foi atingido por seis disparos. O inquérito policial, presidido pelo delegado João Augusto Ferraz de Araújo, apontou que o autor dos tiros teria sido o próprio sargento que acionou a PM, alegando estar sendo incomodado pelo volume do som que vinha do carro de Vandir.   Uma das testemunhas ouvidas durante as investigações, no entanto, informou que o som alto que deu origem ao impasse vinha de sua casa e não do carro de Vandir. Na ocasião em que os policiais militares chegaram ao local denunciado, o investigador estava dentro de casa, sem camisa e pronto para dormir, com o carro estacionado em frente ao imóvel e com o som desligado. Na abordagem, no entanto, houve tumulto e, na sequência, os tiros.   Além do indiciamento por homicídio doloso, duplamente qualificado, os militares foram enquadrados por fraude processual, por alterarem o local do crime, além de falsidade ideológica, por inserir informações falsas no auto de resistência e nos Registros de Evento de Defesa Social (REDS).

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por