Três motoristas parceiros do aplicativo Uber foram assaltados na noite desta quarta-feira (28). Em todos os casos, havia mulheres envolvidas nos crimes. No total, cinco pessoas foram presas.

O primeiro caso aconteceu por volta das 19h, quando um motorista de 30 anos atendeu a um chamado no bairro Goiânia, região Nordeste de Belo Horizonte. Um homem de 21 anos e duas mulheres de 19 pediram para que corrida seguisse até o bairro Bom Destino, em Santa Luzia, na Região Metropolitana. Quando o carro chegou a BR-381, o rapaz anunciou o assalto com com uma faca.

O motorista foi colocado no banco de trás com uma touca ninja e levado para o bairro Beija-Flor, também na região Nordeste. No Jardim Vitória, na mesma região, uma viatura da Polícia Militar (PM) abordou o veículo e percebeu o assalto em andamento. Policiais descobriram outros dois casos na região com o mesmo modo operandi, envolvendo um homem e duas mulheres. Os três suspeitos foram levados para a Coordenação de Operações Policiais (COP) do Detran, no centro de Belo Horizonte.

Vespasiano

Já no bairro Nova Pampulha, em Vespasiano, na Região Metropolitana e Belo Horizonte, por volta das 23h, um motorista de 30 anos atendeu a um homem e duas adolescentes. Nesse caso, após anunciarem o assalto, os bandidos pararam em um lugar escuro, amarraram as mãos do motorista com o cadarço dos próprios tênis e o colocaram no porta-malas.

No momento em que essa ação era feita, uma viatura da PM passou e fez uma abordagem. Os bandidos fugiram em alta velocidade e houve perseguição. Quando chegaram na rua 3, os três suspeitos fugiram para a Favela do Alho. Os policiais encontraram o motorista dentro do porta-malas e pegaram com ele a descrição das características dos autores.

A PM, então, fez um rastreamento no aglomerado e encontrou três pessoas em um campo de futebol com as mesmas características descritas pela vítima. Conseguiram apreender duas adolescentes, de 14 e 17 anos, mas o homem fugiu. Com uma das meninas, encontraram o celular que seria da vítima. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Plantão de Vespasiano.

Renascença

Por volta das 23h, um motorista de 41 anos atendeu a um chamado no bairro Renascença, região Nordeste da capital, e atendeu a dois homens e uma mulher. No meio do caminho, o rapaz sentado no banco da frente simulou passar mal e, em seguida, o que estava no banco de trás anunciou o assalto.

O trio mandou o motorista dirigir até o bairro Primeiro de Maio, na mesma região. Lá, retiraram a vítima do carro à força e fugiram. O carro ainda não foi recuperado e os suspeitos não foram localizados. O caso foi levado para a Delegacia de Furto de Veículo, no Centro de Belo Horizonte.  

Leia mais:
Golpe com falso cupom de desconto do Uber faz milhares de vítimas
Uber registra prejuízo de US$ 708 milhões no primeiro trimestre