Um travesti foi encontrado morto em um lote vago às margens da avenida Tereza Cristina, no bairro Betânia, região Oeste de Belo Horizonte, na madrugada desta quarta-feira (28). A Polícia Militar (PM) ainda não conseguiu identificar o suspeito de cometer o assassinato e por qual motivo ele foi praticado.
 
Conforme a PM, o travesti foi localizada debaixo da carroceria de um caminhão, que estava abandonada no lote, que fica ao lado de um posto de combustíveis. A polícia revelou que o terreno é constantemente invadido por usuários de crack para consumir a droga. Além disso, naquele trecho da avenida é comum ver travestis se oferecendo para programas sexuais. A vítima, que ainda não teve a identidade divulgada, possuía vários ferimentos na cabeça, mas a polícia ainda não confirmou a causa da morte. Policiais civis realizam perícia no local.