Três homens foram presos e um deles baleado durante uma tentativa de arrombar uma agência bancária em Capim Branco, na região Central do Estado, nesta terça-feira (2). A Polícia Militar suspeita ainda que outros dois indivíduos tenham fugido e, por isso, fazem buscas em um matagal na cidade. 
 
De acordo com o sargento Anderson Diniz Araújo, responsável pelo pelotão de Capim Branco, o bando foi flagrado por militares que faziam ronda nas ruas do centro da cidade, por volta das 4h30. Os suspeitos se assustaram e fugiram em um Siena clonado, de cor branca, com placa de Belo Horizonte e deixaram uma bolsa cheia de ferramentas para trás. 
 
Os policiais iniciaram uma perseguição ao veículo, mas o condutor do Siena perdeu o controle do carro e bateu na rotatória do bairro Várzea Solar II. “Neste momento todos correram, alguns entraram no matagal e outros fugiram tomando destino ignorado”, informou o sargento Araújo. 
 
Com auxílio do Batalhão Roca (Rondas Ostensivas com Cães), de Belo Horizonte, e do helicóptero Pégasus, da Polícia Militar, o trio foi capturado. Durante as buscas, um dos suspeitos, com idade entre 22 e 24 anos, foi baleado na perna direita. Ele foi socorrido para o hospital de Capim Branco e, segundo o policial militar, o estado dele era grave. 
 
Os suspeitos foram encaminhados para a delegacia de Matozinhos, onde estão sendo ouvidos. A agência do Sicoob (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil) localizada na rua Coronel Custódio de Alvarenga fica no centro da cidade e é o único estabelecimento bancário da cidade, que conta apenas com os Correios e uma Casa Lotérica para os demais serviços. 
 
Capim Branco tem pouco mais de 8 mil moradores e, segundo o sargento Araújo, a ação criminosa assustou a população. “Os suspeitos contaram ser da região dos bairros Serrano e Urca, em Belo Horizonte. Não são daqui da região não”, contou.