A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi uma das instituições federais brasileiras mais bem classificadas no ranking de melhores universidades da revista britânica Times Higher Education (THE), uma das mais importantes em avaliação do ensino superior do mundo. Assim como a Universidade Federal de Santa Catarina, a instituição mineira aparece no bloco da posição que fica entre 601 e 800 – num estudo feito com 1.396 instituições em 92 países e regiões. Após o 200º lugar, as instituições são classificadas em faixas.

Mais uma vez, a universidade brasileira mais bem classificada é a Universidade de São Paulo (na posição entre 250 e 300), seguida da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), ambas administradas pelo Estado de São Paulo. No total, 46 universidades brasileiras foram classificadas.

O Brasil superou Itália e Espanha e subiu da 9ª para a 7ª posição entre os países com mais representantes no ranking de melhores universidades. Mais uma vez, líder é a Universidade de Oxford, do Reino Unido, que já ocupava o topo no ano anterior. Entre as dez mais bem classificadas, três são inglesas e sete são norte-americanas.