A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) comunicou nesta segunda-feira (16) que aguarda a liberação de um repasse do Ministério da Educação (MEC) para o pagamento de contas de água e luz, além do acerto com funcionários. 
 
Por meio da assessoria de impresa, a instituição de ensino informou que foi comunicada da liberação pelo Governo Federal, mas não soube informar qual o montante da verba, se será mensal ou parcela única e quando o valor chegará aos cofres da UFMG.
 
No último 5 de março, a UFMG chegou a comunicar a suspensão do pagamento das contas de água e luz e também cortes de pessoal da administração central da instituição. Em nota direcionada à comunidade universitária, o reitor Jaime Arturo Ramirez disse que as decisões foram tomadas após o Governo Federal restringir os recursos disponibilizados a todos os órgãos e entidades ligados ao Poder Executivo. Na UFMG, essa redução alcançou R$ 30 milhões no orçamento previsto.
  
A universidade explicou que o governo federal reduziu o orçamento conforme determinações do Decreto 8.389/2015 válido até que seja aprovada a lei Orçamentária 2015. A restrição fez ainda com que a instituição diminuísse gastos com limpeza, vigilância e portaria. Porém, a UFMG informou que as decisões não devem afetar as atividades acadêmicas.
 
(* Com informações de Thaís Oliveira - Hoje em Dia)