Uma equipe do Corpo de Bombeiros precisou usar um alicate hidráulico para soltar a perna de um homem que ficou preso, na tarde deste domingo (23), em um gradil no meio da rua Rio Grande do Norte, esquina com Tomé de Souza, no bairro Funcionários, na região Centro-Sul de Belo Horizonte. 

Assista ao vídeo (tem imagem fortes):

O homem que ficou com a perna presa conversou com nossa reportagem e disse que estava se deslocando para um bloquinho quando, sem perceber, sentiu que a perna afundou e ficou preso. 

"Fiquei preso por cerca de 1h30. Outras pessoas que estavam ao meu lado tentaram ajudar, passaram óleo, me puxaram, mas nada me tirava de lá. Fiquei com muito medo", disse Glayson Luís Aparecido, 26 anos. Segundo a Polícia Militar, ele seria morador de rua. 

O Corpo de Bombeiros foi chamado e precisou usar um alicate hidráulico, o mesmo que serve para desencarcerar vítimas de acidentes automobilísticos, e abrir um espaço no gradil de aço.

Após ser solto, Glayson disse que a organização do Carnaval de BH deveria ter previsto uma situação dessas. "Só passa carro aqui, mas no Carnaval passam pessoas. Sendo assim, devem tomar uma providência para que isso não aconteça de novo", reclamou.

A vítima foi socorrida para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII com um corte de cerca de três centímetros na perna. 

A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de BH, mas ainda não obteve retorno.