Um homem de 47 anos foi vítima do crime conhecido popularmente como "saidinha de banco" na tarde desta sexta-feira (4), no bairro Sion, na região Centro-Sul de Belo Horizonte.
 
De acordo com relatos da vítima aos militares do 22º Batalhão da Polícia Militar (PM), ela foi abordada por dois homens armados assim que saiu de agência do Banco Bradesco da rua Uruguai.
 
Em poucos minutos, a dupla ameaçou o cliente e ordenou que ele entregasse o dinheiro que havia acabado de sacar. Porém, a vítima só passou a quantia que estava na sua carteira, quando foi novamente ameaçada e obrigada a dar o restante do dinheiro. Na sequência, os suspeitos fugiram em uma motocicleta e ainda não foram identificados ou presos.
 
Ainda conforme a PM, a vítima não foi ferida e alegou que usaria o dinheiro que perdeu para pagar funcionários. Porém, a profissão dele não foi informada pela corporação.