Vacinação contra Covid de adolescentes com comorbidades começa na segunda-feira em BH

Marina Proton
mproton@hojeemdia.com.br
03/09/2021 às 14:11.
Atualizado em 05/12/2021 às 05:48
 (Fernando Michael/Hoje em Dia )

(Fernando Michael/Hoje em Dia )

A vacinação contra a Covid-19 para adolescentes de 12 a 17 anos, com comorbidades, será iniciada na próxima segunda-feira (6) em Belo Horizonte. Jovens com deficiência permanente, gestantes, puérperas e lactantes também serão imunizados na capital. 

Para receber a dose é preciso ser residente de BH, completar a idade até 6 de setembro e ter se cadastrado até o último dia 2 no portal da PBH, além de apresentar exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição emitidos em até 12 meses antes da data do cadastro. O documento deve conter o número do registro do profissional no respectivo conselho de classe. 

Também será necessário apresentar documento de identificação e comprovante de residência, não ter recebido outra vacina nos últimos 14 dias nem ter tido a doença com início dos sintomas nos últimos 30. É recomendado, ainda, que o adolescente apresente o CPF ou o Cartão Nacional de Saúde. 

Dias e horários

Para o grupo, o imunizante será aplicado, em dias úteis, das 8h às 17h em pontos fixos e extras, e das 8h às 16h30 em postos de drive-thru. Já aos sábados, os postos fixos e extras funcionam das 7h30 às 14h e os pontos drive-thru das 8h às 14h.

Dentre os os postos extras, um novo começou a funcionar nas Faculdades Kennedy e Promove. Segundo a PBH, as pessoas convocadas devem se vacinar apenas nos pontos listados. Por isso, é preciso checar os endereços, disponibilizados no portal da prefeitura, antes de se deslocar. Veja https://prefeitura.pbh.gov.br/campanha-de-vacinacao-contra-covid-19 os locais. 

Durante a próxima semana, também haverá conclusão do esquema vacinal de pessoas de 32 e 33 anos, puérperas e gestantes sem comorbidades. Confira abaixo a vacinação para os próximos dias:

  • pessoas de 18 anos completos até 4 de setembro (considerando que o público de 17 anos só pode ser imunizado com a vacina da Pfizer) e segunda dose para caminhoneiros;
  • não haverá vacinação;
  • primeira dose para adolescentes de 17 a 12 anos, completos até 6 de setembro, com comorbidades, deficiência permanente, gestantes, puérperas e lactantes; segunda dose para pessoas de 33 anos, vacinadas com a CoronaVac, em que o intervalo entre a aplicação das doses é de 14 a 28 dias;
  • não haverá vacinação;
  • segunda dose para pessoas de 32 anos, vacinadas com a CoronaVac, em que o intervalo entre a aplicação das doses é de 14 a 28 dias; primeira dose de adolescentes de 17 a 12 anos, completos até 8 de setembro, com comorbidades, deficiência permanente, gestantes, puérperas e lactantes;
  • segunda dose para gestantes e puérperas sem comorbidades. Só poderão tomar a segunda dose nos dias 9 e 10 de setembro as gestantes e puérperas cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até os dias 16 e 17 de setembro.

Mais de 5 mil registros

Conforme informou a PBH, foram feitos 5.521 cadastros de adolescentes com comorbidades, deficiência permanente, gestantes, puérperas e lactantes. Os dados excluem duplicidade, erros de preenchimento e residentes de outros municípios.

Para se imunizar, os adolescentes de 15 a 12 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais. Já os jovens de 16 e 17 anos não precisam de acompanhante. Seguindo as orientações do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde o público será vacinado com a Pfizer.

Segunda dose

Para que os usuários possam tomar a segunda dose é necessário levar o cartão de vacina, documento de identidade e CPF. Para o grupo, o imunizante será aplicado até das 8h às 17h em pontos fixos e extras, das 8h às 16h30 em drive-thru e até às 20h em pontos com horário noturno.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por