A vacinação contra a gripe, que teve campanha entre 10 de abril e a última sexta-feira (31) para grupos prioritários, será estendida para toda a população a partir desta segunda-feira (3), após determinação do Ministério da Saúde. 

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), as vacinas disponíveis são as doses restantes da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, em cerca de 4 mil postos do Sistema Único de Saúde (SUS) em Minas. Para ter acesso, é necessário comparecer à unidade de saúde mais próxima, portando o cartão de vacinação. 

A extensão para toda a população tem prazo: os interessados em se vacinar devem ir às unidades de saúde até esta sexta-feira (7). Em Belo Horizonte, 153 postos de saúde irão oferecer as vacinas. A medida evita desperdício de doses nas localidades que não alcançaram a meta de imunização no público-alvo.

Na campanha, de acordo com o Ministério da Saúde, Minas Gerais chegou próximo à meta e ultrapassou o percentual de 85%, ficando com 86,6% de adesão (a meta é de 90%, em todo o país). No Estado, já foram registradas cinco mortes pelo vírus Influenza A (H1N1) neste ano.

Mudança

A vacina produzida para 2019 teve mudança em duas das três cepas da sua composição e agora protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Durante os cinco primeiros meses de 2019, foram registrados 807 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por Influenza em todo o país, com 144 mortes.

(*) Com Agência Brasil