Após o sinal de alerta dado pelos indicadores da Covid-19, a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) tomou medidas para tentar conter o avanço da pandemia na cidade, impedindo uma quarentena.

O consumo de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes da metrópole estará proibido a partir desta segunda-feira (7). A nova regra não afeta outros alimentos e os comerciantes poderão manter as portas abertas, recebendo os clientes normalmente.

Em recente entrevista ao Hoje em Dia, o professor da UFMG Unaí Tupinambás destaca que, quando a ingestão de bebidas é permitida nesses locais, muitas vezes ambientes fechados, a permanência das pessoas tende a ser maior.

“Com o passar do tempo, elas ficam mais alteradas, falam mais alto e estão mais propensas a reduzirem a distância de pelo menos dois metros entre umas e outras, possibilitando a transmissão do vírus”, frisou o infectologista, membro do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 da capital

O decreto da PBH também abrange feiras públicas e privadas e restringe, ainda, licenciamento de eventos. Estão suspensas as autorizações para festas gastronômicas, shows e espetáculos, inclusive a apreciação de pedidos de licenciamentos correspondentes ainda não respondidos pela prefeitura.