Se tem uma época certeira do ano em que reunimos os familiares ao redor de uma mesa é no Natal. Momento especial quando recebemos família e amigos mais próximos. É fato que todos querem receber bem, com uma mesa especial.

Uma das grandes estrelas da noite é a decoração das mesas. Planejadas com antecedência para que causem impacto e encantamento, têm certa magia, já que cumprem a função de reforçar a noite especial, lembrando que se trata de um momento cheio de fé, em que celebramos com quem mais amamos.

A decoradora Rusa Freitas acha que na decoração não podem faltar as cores de Natal, que são o vermelho, verde e dourado. Esses tons são as maiores referências e devem estar presentes nesta noite.

Rusa sugere que não haja exageros. “Natal já é bem colorido. Temos que tomar certos cuidados. A produção da mesa não deve tampar a visão dos convidados ou atrapalhar o serviço do jantar. O Natal já é over, tudo tem que ficar harmonioso”. Para quem prefere fugir das cores tradicionais do Natal, Rusa recorre ao branco com bege. “Fica lindo, chique e diferente”.

A produtora de moda e autora do site “Inventando mesa”, Ticha Ribeiro, diz que a mesa de Natal tem importância especial porque é um lugar de comunhão, de partilha, de receber os amigos e demonstrar como eles são importantes.

“É um lugar que deve ser tranquilo, amoroso e devemos evitar assuntos polêmicos, desagradáveis. Devemos desfrutar da alegria do encontro ao redor de uma mesa”. Ticha nutre paixão por esse tipo de decoração desde sua infância, por isso resolveu levar a moda para mesa. “A moda hoje ultrapassa os limites do vestir e está em todos os segmentos.

Ao buscar um tema para minhas mesas monto um mood board de inspiração e começo a sinalizar que algumas tendências aparecem em diversos segmentos, nos apontando para as macro tendências que são o Zeitgeist, espírito da época. É este espírito que procuro trazer”, conta. Ticha diz ainda que o carinho é essencial na montagem.

A experimentação também, “Proponho forrar, vestindo as mesas com tecidos bordados de roupas de festa, depois uso louças escolhidas a dedo e os acessórios que trazem o espírito do Natal”. Enquanto Rusa não gosta de “pesar” nas mesas natalinas, Ticha acha que vale, podem ser rebuscadas, assim como lúdicas, sofisticadas ou rústicas.

“Depende do Tom que você quer dar. O importante é que as pessoas se sintam acolhidas e confortáveis. Nada que crie constrangimentos. Se tiver uma louça bem caprichada é uma boa hora para usar. Se não tiver, pode criar caprichos e decorá-las para que as tornem especiais”.

Cheias de espiritualidade e fé, as mesas natalinas fazem muito mais do que servir

De acordo com Roberta Stehling, decoradora e autora do instagram Bendita Mesa, o Natal nos remete às delícias da infância. “As mesas de Natal são uma representação de sentimentos gostosos, puros, que só nos faz bem”. Além disso, Roberta diz que a mesa é um lugar onde temos proximidade com as pessoas que gostamos.

“É onde existe carinho, amor, intimidade”. Na opinião da decoradora, as mesas natalinas têm ainda mais importância porque estamos celebrando o aniversário de Jesus. Roberta acha que as velas e o que leva brilho não podem faltar, já que remetem à luz. Para quem prefere fugir do óbvio, a autora do instagram de mesas sugere as cores prata com azul. Para quem quiser ousar, o roxo com azul cobalto ou coral com turquesa são combinações lindas.

Não importa se será tradicional, sofisticada, moderninha, fashion, artesanal ou simples. O que vale é o carinho e capricho na montagem. Afinal, como diz Ticha, a mesa tem uma mensagem espiritual muito forte. Jesus reuniu os discípulos pela última vez em torno de uma para a comunhão que repetimos até os dias de hoje.

“O Natal é uma data onde paramos a correria diária para o encontro, a partilha, para festejar a chegada do Menino Deus, ou seja, para festejarmos o amor, a fé e a esperança em espírito de paz e em comunhão com a família e amigos”, conclui Ticha.