Fim de julho, fim de férias e fim de festas. Encerram-se, hoje, dois dos mais importantes festivais que aconteceram em julho em Minas. O Festival Como Sabará e a Cozinha dos Territórios, em comemoração ao Dia da Gastronomia, movimentaram a cena gastronômica juntamente com o Festival de Cultura de Paracatu e o Igarapé Bem Temperado, além do Circuito Aproxima.
 

Em Sabará, serão conhecidos hoje os restaurantes e os pratos que tiveram a preferência do público e dos jurados; as receitas tinham que privilegiar produtos regionais 

Em Sabará, serão conhecidos hoje os restaurantes e os pratos que tiveram a preferência do público e dos jurados. As melhores receitas tinham que privilegiar produtos regionais como a banana, o ora-pro-nóbis e a jabuticaba.
Em BH, os Territórios Gastronômicos de Minas foram homenageados com receitas utilizando produtos originários de cada uma das cinco regiões, apresentadas por chefs em cinco grandes restaurantes da capital.

E mais
Em julho aconteceram, ainda, dois bons eventos comemorando o fim do semestre letivo em duas das grandes escolas de gastronomia da capital.
Na Faculdade Promove, os alunos apresentaram criativas releituras de pratos mineiros e, na UNA, os estudantes desenvolveram trabalhos abordando negócios na gastronomia no evento Gastrouna.
 

Rosilene Campolina

ACADEMIA – Alunos do Centro Universitário UNA em apresentação de projeto de negócio na avaliação final do semestre no evento Gastrouna sob o comando da professora Rosilene Campolina

Chef Canuto

EM PARACATU – Chef Canuto, da Pousada dos Ipês, com o prêmio pela melhor receita no festival cultural da cidade

Chef Edson, Puiati Eduardo Frieiro, Luiz Carlos Braga

TROFÉU – Chef Edson Puiati entrega o Eduardo Frieiro ao Superintendente do Mercado Central de BH, Luiz Carlos Braga

Cidinha Lamounier

PROVA FINAL – Alunos da prof. Cidinha Lamounier fizeram releitura de frango com quiabo na Faculdade Promove