O funkeiro paulista Kevin Nascimento Bueno, conhecido como MC Kevin, de 23 anos, morreu nesse domingo (16) após cair do 5º andar de um hotel na orla da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Duas versões sobre o incidente circulam nas redes sociais e são investigadas pela polícia.

A primeira, conforme publicou o Jornal O Dia, teria sido relatada por amigos do cantor à polícia, de que em uma brincadeira, Kevin teria tentado pular na piscina do hotel, saltando do 5º andar e batido com a cabeça na borda.

A segunda é contada pela passista e musa da Acadêmicos do Tucuruvi, Anny Alves, que também é namorada de um dos amigos do funkeiro.

Em stories do instagram apagados poucos minutos após a publicação, Anny diz que alguns amigos do artista trancaram ele em um quarto do hotel cheio de mulheres. Em certo momento, alguém bateu na porta do quarto e Kevin ficou com medo de que fosse sua esposa, a advogada criminal Deolane Bezerra, com quem se casou há duas semanas atrás no México. Segundo a modelo, o funkeiro teria tentado sair do quarto passando de uma sacada para a outra, mas acabou caindo.

O artista chegou a ser encaminhado em estado grave ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, Zona Sul da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 21h30.

A 16ª Delegacia de Polícia da Barra da Tijuca abriu um inquérito para apurar as circunstâncias do caso. Diligências estão sendo realizadas no hospital e no hotel para analisar as versões que levaram a morte do cantor.

Após a notícia do falecimento, Deolane fez uma postagem em seu stories do Instagram em homenagem ao artista com uma foto do casamento dos dois há duas semanas no México:

"Você é e sempre será o amor da minha vida o amor mais lindo que tive, o homem que mais me amou e me admirou ! Vai com Deus meu menino eu sempre vou te amar !!! "

Amigos inconsoláveis 

A morte precoce de Kevin gerou uma grande comoção nas redes sociais de amigos e também fãs do artista. Os funkeiros PK Delas e Mc Brinquedo postaram stories no Instagram chorando e inconformados com o ocorrido. 

“Kevin, meu mano, inacreditável, meu irmão! Estávamos cedo na minha casa trocando altos papos e você radiante de felicidade com seu primeiro show no Rio! Não consigo nem expressar o que de fato estou sentindo. Agradeço a você todo o carinho, respeito e amizade sempre. Minhas lembranças serão sempre como essas de hoje, feliz sempre de bem com a vida, trazendo alegria. Vá em paz, meu irmão! Que Deus conforte o coração dos familiares. O funk também agradece pelos seus feitos.”

MC Brinquedo publicou: “Me leva com ele pai”.

MC Kevin era grande fã de Neymar e tinha tatuagens feitas em homenagem ao jogador, além de várias camisas, fotos, quadros e chuteiras. O craque brasileiro também lamentou a tragédia do artista em uma publicação no Instagram e colocou uma imagem de luto em seu perfil, com o nome de Kevin na bio:

Marlon Wayans, conhecido por ser protagonista e produtor de “As Branquelas” também lamentou a morte do funkeiro e disse que ele era como seu “irmão mais novo”

Veja outras homenagens:

(*) Especial para o Hoje em Dia

Leia mais:
Parentes, amigos e apoiadores se despedem de Bruno Covas
Morre, aos 87 anos, a atriz Eva Wilma