meio ambiente

Audiência pública na Câmara de BH vai discutir mineração na Serra do Curral na próxima semana

Gabriel Rezende*
11/05/2022 às 16:34.
Atualizado em 11/05/2022 às 16:41
CÂMARA MUNICIPAL (Maurício Vieira)

CÂMARA MUNICIPAL (Maurício Vieira)

A autorização para minerar na Serra do Curral, concedida pelo Conselho Estadual de Política Ambiental (Copam) à Taquaril Mineração S.A. (Tamisa), será debatida em audiência pública na Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) na próxima terça-feira (17).

O pedido foi feito pela vereadora Duda Salabert (PDT), durante reunião da Comissão de Meio Ambiente, Defesa dos Animais e Política Urbana da Casa Legislativa nessa terça-feira (10). No requerimento, ela alega que o projeto é de “grande porte e potencial poluidor”, além de prejudicar, na visão dela, o processo de tombamento da Serra.

"Seria temerário considerar qualquer licenciamento ambiental para novas minerações antes que se conclua o tombamento na esfera estadual”, alegou. Duda também demonstra preocupação com a visibilidade do “pico Belo Horizonte” da Serra. 

A parlamentar Bella Gonçalves (Psol) também participou das discussões para o pedido da audiência pública. “Vamos defender a nossa Serra do Curral, reivindicá-la para Belo Horizonte que está sendo muito desrespeitada. Toda a população [está sendo desrespeitada] nesse processo pelo governo do Estado”, afirmou Gonçalves.

Ambientalistas, representantes da Prefeitura de Belo Horizonte, moradores de bairros próximos à Serra do Curral, como dos bairros Taquaril e Aglomerado da Serra e movimentos sociais estão convidados a participarem da audiência pública. A reunião será às 13h40, no Plenário Helvécio Arantes, da Câmara Municipal, na região Leste de BH.

Hoje em Dia questionou a mineradora Tamisa sobre as declarações das vereadoras Duda Salabert e Bella Gonçalves e aguarda retorno. 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por