Feriado movimenta rodoviária de BH e estradas do Estado; confira dicas para quem vai viajar

Raquel Gontijo
portal@hojeemdia.com.br
29/10/2021 às 18:18.
Atualizado em 05/12/2021 às 06:09
 (Fernando Michel / Hoje em Dia)

(Fernando Michel / Hoje em Dia)

A noite desta sexta-feira (29) tem sido de grande movimento na rodoviária de Belo Horizonte. Em virtude do feriado prolongado de Finados, comemorado na próxima terça (2), o terminal espera cerca de 82 mil pessoas durante os próximos cinco dias. O volume representa 15% de crescimento em relação ao mesmo período em 2020, primeiro ano de pandemia da Covid-19, quando cerca de 71 mil pessoas circularam no local.Comparado com 2019, quando não havia a pandemia de coronavírus, a expectativa para o fluxo de pessoas para este ano anda é de 20% menor do que o volume registrado no mesmo feriado há dois anos, quando mais de 103 mil passageiros transitaram pelo local. De acordo com a Codemge, que administra a rodoviária, a pandemia tem afetado o movimento de passeiros em todos os feriados de 2021.
Em Minas Gerais, os destinos mais buscados são: Governador Valadares, Teófilo Otoni e Malacacheta, Ipatinga, Montes Claros, Conselheiro Lafaiete, Divinópolis, Viçosa, Ponte Nova, Diamantina e Juiz de Fora. Para outros estados, as cidades mais procuradas este ano são: Rio de Janeiro, Cabo Frio, São Paulo, Campinas, Porto Seguro, Vitória, Guarapari e Brasília. 

Orientações aos passageiros

Em função da pandemia, a administração da rodoviária de BH orienta que apenas quem for viajar entre no terminal durante esse período. Após as 23h30, o acesso é restrito a usuários com passagens, com entrada concentrada entre as plataformas D e E. 

O uso de máscaras, durante toda a permanência no terminal e no interior dos ônibus, também é imprescindível, assim como manter o distanciamento adequado.

Seguindo as medidas sanitárias contra a pandemia de Covid-19, a rodoviária de BH tem adotado várias medidas preventivas e educativas. O terminal intensificou a limpeza, com uso de álcool em gel, principalmente em áreas de contato, como corrimãos, botões de elevador e longarinas.

Em paralelo, há distribuição de peças gráficas da Secretaria de Estado de Saúde, veiculação de mensagem em áudio sobre o tema e exibição de vídeo educativo em monitores do hall principal, ampliando a conscientização do público sobre o assunto.

Álcool em gel também está sendo disponibilizado em pontos específicos, como recepção (mezanino), balcão de informações (área de desembarque) e dispensers espalhados ao longo do hall principal e próximo aos elevadores. Outras informações estão disponíveis no site da Rodoviária BH.Dicas para quem viaja de carro

Nesta sexta-feira, a Via 040 iniciou a operação especial para os dias de feriado prolongado de Finados. A concessionária estima aumento de aproximadamente 17% do tráfego comparado aos dias normais. Para garantir a fluidez do trânsito e a segurança de motoristas, a concessionária irá reforçar o quadro de equipes e de viaturas, e não fará interdições para realização de obras nos horários de tráfego mais intenso.

A Polícia Rodoviária também inicou fora-tarefa para as estradas. A corporação orienta que, para uma viagem segura, é importante ficar atentos às condições do veículo e aos equipamentos obrigatórios, principalmente estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além de ficar focado na estrada. 

Qual melhor horário para viajar?Confira os horários com maior fluxo: 

• Sexta-feira (29) – tráfego intenso a partir das 16h – fluxo de saída

• Sábado (30) - tráfego intenso das 7h às 14h – fluxo de saída

• Domingo (31) – tráfego normal• Segunda-feira (1º)– tráfego normal

• Terça-feira (2) - tráfego intenso das 13h às 19h – fluxo de retorno

Como consultar as condições de tráfego?Os motoristas também podem acompanhar as condições de tráfego, 24 horas, pelo Twitter ou site da Via 040.

Leia Mais:
Início do feriado prolongado em BH pode ter chuvas e trovoadas; confira previsão no Estado

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por