reajuste salarial

Funcionários de companhia aérea paralisam atividades no aeroporto de Confins, em BH

Raquel Gontijo
raquel.maria@hojeemdia.com.br
18/05/2022 às 15:02.
Atualizado em 18/05/2022 às 15:05
 (Reprodução / Redes Sociais Sindicato do Aeroviários de Minas)

(Reprodução / Redes Sociais Sindicato do Aeroviários de Minas)

Técnicos de manutenção do hangar da companhia de transporte aéreo Gol paralisaram as atividades nesta quarta-feira (18), no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na Grande BH. Os trabalhadores não concordam com o plano de carreira da empresa e reivindicam aumento dos salários.

De acordo com o Sindicato dos Aeroviários de Minas Gerais (SAM), cerca de 70 técnicos saíram em caminhada pelo aeroporto, de forma ordenada, sem causar transtornos para as operações, passageiros e outros funcionários. 

No entendimento dos trabalhadores a adequação de salários caiu. “Eles promoveram pessoas qualificadas para cargos superiores, com mais funções e responsabilidades, mas a remuneração continuou a mesma”, relata o secretário geral do sindicato, Dener Araújo.

Outro motivo para a paralisação das atividades é que, durante o primeiro ano da pandemia da Covid-19, grande parte dos funcionários permaneceram em casa, seguindo os protocolos das medidas sanitárias impostas para conter a propagação da doença. Com a medida, o banco de horas dos trabalhadores ficou negativo e a empresa cobra que a carga horária seja compensada. De acordo com o sindicato, há funcionários com 250 horas a serem pagas.

Uma nova assembleia está marcada para esta tarde, para discutir se a paralisação continua ou não, nos próximos dias. 

O representante do sindicato informou que, em nenhum momento, houve qualquer diálogo com a Gol.

Em nota a BH airport, concessionária que administra o aeroporto de Confins, informou que a equipe de segurança do terminal registrou a ocorrência de uma manifestação pacífica dos empregados. A concessionária afirmou que as operações ocorrem normalmente e que a paralisação não ocasionou impactos nos voos programados.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por