Primeira dose da vacina contra Covid foi aplicada em 72% das pessoas do grupo prioritário em Minas

Marina Proton (*)
mproton@hojeemdia.com.br
15/06/2021 às 12:07.
Atualizado em 05/12/2021 às 05:10
Especialistas reforçam preocupação com notícias falsas sobre a segurança dos imunizantes (Reprodução/ Freepik)

Especialistas reforçam preocupação com notícias falsas sobre a segurança dos imunizantes (Reprodução/ Freepik)

A primeira dose da vacina contra a Covid-19 foi aplicada em 72% das pessoas que fazem parte dos grupos prioritários da imunização em Minas, conforme a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).

Até a manhã desta terça-feira (15), 5,5 milhões de pessoas receberam a primeira dose da vacina. Desse total, 2,5 milhões foram contemplados com o reforço - 34% do público-alvo.

A maior cobertura, segundo a SES, é do grupo de trabalhadores da Saúde. Destes, 80% estão imunizados por completo. Em seguida, estão os idosos acima de 60 anos, sendo 56% deles com o esquema vacinal completo e 97% vacinados com a primeira dose.

O avanço da vacinação, conforme o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, impactou na queda dos números de internações e óbitos.

Entre 17 e 23 de janeiro deste ano, 84% das mortes eram de idosos com mais de 60 anos. No último levantamento, de 30 de maio a 6 de junho, o percentual caiu para 46%. As internações também diminuíram nessa faixa etária: de 65% para 28%. 

Vacinação por dia

Até 10 de junho, a média móvel de doses aplicadas em Minas era 132.669. O maior índice foi alcançado em 6 de abril, com 203.424 doses. Para todo o Estado, o Ministério da Saúde disponibilizou 11,3 milhões de imunizantes, sendo​ 10,1 milhões distribuídas aos municípios.

O levantamento da SES também apontou que pelo menos 48 cidades mineiras aplicaram mais de 90% das vacinas recebidas. As macrorregiões com maior percentual de aplicação são Noroeste (94%), Centro (91%) e Leste do Sul (90%). Na capital, 75% das doses recebidas foram usadas; em Juiz de Fora, 81%; em Uberlândia, 88%; Contagem, 80%; Montes Claros, Uberaba e Betim, 83%. 

(*) Com informações da Agência Minas

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por