Envelhecer

Opinião / 05/08/2020 - 10h40

Por Rafael Moia Filho

A vantagem de envelhecer é sentir que ainda estamos vivos, compartilhando nossas experiências pessoais e profissionais, aproveitando nosso tempo nessa passagem efêmera que o Criador nos proporciona.

a desvantagem, se é que podemos a ela atribuir, é o fato de que conseguimos fazer comparações. Sim, e das mais diversas na vida. Sem perceber comparamos as músicas, os filmes, a arte em geral, as roupas e os hábitos, as pessoas e os políticos.

E de uma forma geral, até inconscientemente tendemos a valorizar muito mais aquilo que vivenciamos na época da nossa juventude. Natural que o façamos, afinal de contas, vivíamos intensamente naquela fase das nossas vidas.

Embora, na mesma medida, não déssemos a atenção devida às coisas mais sérias, como a política, por exemplo, não perdíamos tempo com as notícias do estrangeiro, líamos menos as coisas importantes do país em detrimento a tudo que era atinente à nossa juventude.
Com o passar dos anos, fomos percebendo, e a isso chamamos de experiência, o quão importante são as coisas que estão ao nosso redor e que dizem respeito à vida em sociedade.

Havia menos corrupção nas décadas de 60 e 70 em relação aos primeiros anos do século XXI ou nós é que não líamos e nem nos interessávamos por isso naquela época? Os políticos eram melhores do que os atuais? Os governos eram melhores?

Para termos certeza, a solução é sempre recorrermos aos historiadores, que analisam os fatos sem paixão, mas com muita atenção nos dados históricos. A leitura é fundamental para mantermos nossa mente ativa, lúcida e sempre em busca de novos conhecimentos.

Escritor, blogger, graduado em Gestão Pública

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários