O empreendedor mirim da Greeny Greens

Cristiano Lopes / 28/09/2019 - 06h00

Lewis Cass, militar e político estadunidense, é o autor da seguinte frase: “As pessoas podem duvidar do que você diz, mas elas acreditarão no que você faz”. E esse pensamento tem relação direta com a atitude do jovem Lucca Brandão, que com apenas 10 anos de idade colocou a sua ideia em prática e criou a Greeny Greens.

Lucca Madeira Brandão tem 10 anos de idade e estuda desde os dois anos na Maple Bear, escola canadense biligue localizada em Belo Horizonte.

Em junho de 2019, Lucca foi passar férias escolares na casa da tia que mora em Hyannis, nos Estados Unidos. Ao regressar para o Brasil, voltou com o desejo de comprar três eletrônicos da Apple: um IPhone X, um Apple Watch series 4 e um MacBook Pro. Lucca pediu para os pais adquirirem os eletrônicos, mas os pais disseram que não comprariam e que Lucca deveria encontrar uma maneira de fazer dinheiro para conseguir a sua lista de desejos.

Lucca teve duas ideias iniciais para montar o seu negócio: a primeira era passear com cachorros, algo que sua prima da mesma idade já faz nos Estados Unidos, mas ele percebeu que isso não daria certo no Brasil; a segunda era montar uma barraquinha de limonada na porta do prédio dos avós que moram na avenida Silva Lobo, mas desistiu ao pensar na logística desta empreitada.

Lucca então ouviu a ideia da sua mãe: plantar microgreens para vender. Os microgreens são vegetais jovens podendo ser considerados plantas bebês. São considerados superalimentos porque contêm de 4 a 40 vezes mais nutrientes que os vegetais comuns, sendo ricos em antioxidantes que reduzem o risco de doenças do coração, câncer, alzheimer, obesidade e diabetes. A maioria das variedades é rica em potássio, ferro, zinco, magnésio e cobre.

A partir dessa ideia, Lucca começou a empreender, solicitando aos pais ajuda nos quesitos do plantio, do cultivo e da venda. O investimento inicial foi de 26 dólares, o restante do dinheiro que sobrou da viagem de férias. Com os R$ 87,00, Lucca comprou substrato, semente e embalagem e iniciou o processo do plantio. A primeira exposição do produto com degustação aconteceu 15 dias depois, na Feira de Conhecimento da Maple Bear e a partir daí, os pedidos começaram a acontecer. Os primeiros clientes foram os professors e os coleguinhas da escola e o negócio se alastrou. Através da divulgação boca-a-boca e das redes sociais da mãe, Lucca está conseguindo êxito nas vendas e plantando na direção correta do seu propósito.

Lucca aproveitou um momento de inspiração e desenhou de próprio punho a logomarca da Greeny Greens atrás da capa do livro de História e, em seguida, fez a logo no programa ProCreate da Apple.

E aí, ficou interessado em adquirir os microgreens? É só se conectar diretamente no WhatsApp do Lucca (31) 97534-4349.

Lucca Brandão deixa uma mensagem para quem deseja empreender: “Tem que ter uma boa ideia e foco nos resultados” e complementa “seja confiante e vá em busca dos seus sonhos”. #GreenyGreens #microgreens

 

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários