Sem energia, nada pode prosperar

26/09/2021 às 22:03.
Atualizado em 05/12/2021 às 05:57

Morei na fazenda por cinco anos da minha vida, dos 8 aos 13. Apesar da distância das facilidades de morar na cidade, da dificuldade de manter amizades fora da escola, da "acusação" de ser o “menino que mora na roça”, foi um tempo pleno. Convivi com meu pai e minha mãe muito mais do que teria sido possível em outras circunstâncias e parecia que aquilo me preparava para o que ocorreria logo depois, quando ambos acabaram por ser vítimas de um acidente de carro. 

Tempo de andar a cavalo, nadar na represa, campear gado, passear no Barreiro aos domingos, almoçar na cidade quando tinha inglês de tarde (era um luxo poder comer sozinho em um restaurante com apenas 12 anos... rsrs).

Uma das poucas coisas que me aborrecia era ficar sem energia... infelizmente acontecia muito. Quando a luz acabava, eu logo pensava que não tinha sobrado nada para fazer de noite... Por um instante pensava em ir ouvir música, mas lembrava que não era possível. Cogitava ler um livro, mas quem consegue, à luz de velas... Acabava me aborrecendo até que a luz voltasse.

Foi com surpresa que fiquei sabendo, ao chegar ao governo, que a qualidade da energia não tinha progredido muito ao longo dos anos e que a realidade de energia instável e de baixa qualidade permanecia vigorando em várias regiões do Estado, de forma mais crítica nas zonas rurais.

Desde o começo do governo, vejo o governador Romeu Zema repetir que é inaceitável passar por isso, quando se precisa de energia para produzir, trabalhar, viver...

Por isso fiquei animado com o anúncio, na última semana, de mais de R$ 5 bi de investimento na melhoria da qualidade da energia do Estado, com a construção de mais de 200 subestações que vão garantir não apenas mais estabilidade à rede, mas o acesso à energia trifásica por quem não tinha mais do que condição de acender uma lâmpada e ligar um chuveiro.

Todos sabem que, para mim, a solução definitiva está na venda da estatal, mas, até lá, fico feliz que o governo possa garantir energia de qualidade a mais gente!

Não vou mais ficar lembrando de me lamentar pelas vezes que fiquei sem luz na fazenda. Vou começar a pensar o que podem fazer agora que esse tempo vai, ainda que lentamente, ficando para trás.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por