"Arte Salva"

Professor Wendel / 08/06/2020 - 06h00

As reuniões das Comissões na Assembleia retornaram esta semana, claro que seguindo os protocolos de segurança na área de saúde. No dia 2 de junho, como vice-presidente da Comissão de Cultura, participei de um debate importante na reunião da Comissão, que contou com a presença do secretário de Estado de Cultura, Leônidas Oliveira. Ele falou sobre o movimento “Arte Salva”, uma rede de solidariedade formada pelo Governo de Minas, instituições privadas e entidades da sociedade civil para socorrer a economia criativa do Estado e seus agentes. Ele explicou que o movimento pretende aumentar o alcance e fortalecer campanhas de arrecadação de doações. Também prestará informações sobre acesso a políticas públicas e linhas de crédito para os artistas, bem como cursos de capacitação, editais de fomento e estudos e pesquisas de impactos da Covid nos setores da cultura e do turismo.

A vice-presidente do Conselho Estadual de Política Cultural (Consec-MG), Maria Madalena Rodrigues da Silva, que participou remotamente da reunião, destacou a importância da Cultura no cotidiano dos brasileiros em quarentena. As pessoas estão ouvindo músicas, vendo filmes e assistindo a shows e peças de teatro pela internet. Segundo ela, é uma maneira produtiva das pessoas ocuparem o tempo. Madalena ressaltou que, devido à atual situação, os artistas não têm mais como vender ingressos ou artesanato e com a sobrevivência comprometida. Segundo ela, no interior do Estado 70 companhias de circo foram desmontadas e seus integrantes estão sem ter o que comer e sem ter como se locomover.

Por isto, fez um apelo às prefeituras que colaborarem com estes artistas que não têm outra forma de sobrevivência. 
Quem também participou remotamente da reunião, foi o apresentador, cantor e ator, Saulo Laranjeira, que relatou as dificuldades enfrentadas pela classe artística no atual momento. E reforçou sobre a necessidade da Cultura receber mais apoio do poder público. Após estes depoimentos, defendi o remanejamento de recursos de emendas parlamentares destinadas a eventos no interior para novos editais da cultura, já que as atividades originalmente previstas não ocorrerão mais. Considero muito importante o apoio à Cultura neste momento de pandemia, porque a preservação de nossos valores culturais é muito importante. A Cultura é fundamental para a vida em sociedade, pois é por meio dela, que mantemos nossa identidade, conseguimos expressar as nossas emoções e sentimentos e sobretudo manter sempre vivas as nossas tradições.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários