"Minas arte em casa"

Professor Wendel / 22/06/2020 - 12h01

As pessoas ligadas à cultura e às artes estão atravessando um momento difícil com as salas de espetáculos e diversos espaços para shows fechados, devido à epidemia do Covid-19. Por isto, muito importante a iniciativa da Assembleia Legislativa com a idealização do projeto “Minas Arte em Casa”. Este utiliza as plataformas digitais que estão sendo amplamente consumidas pelas pessoas, que em sua maioria, permanecem em casa, como medida de prevenção do coronavírus. Assim, a Assembleia dá prosseguimento ao programa Assembleia Cultural, com um formato adequado às limitações necessárias, gerando renda aos artistas e fomentando o acesso à cultura para o público em geral. 

Inicialmente foi elaborado um Edital para a seleção pública de 40 propostas de apresentações inéditas de artes cênicas e de música popular e erudita, desenvolvidas em plataformas digitais. As modalidades contempladas são: dança, música, teatro (leitura dramática, monólogo ou cena com até dois atores), contação de histórias e performances, em formato final de vídeos entre 2 a 10 minutos. Após o processo de habilitação (feita por uma equipe da Assembleia) e de seleção (feita por um grupo de pareceristas do banco da Assembleia, definidos por meio de um sorteio. Os trabalhos dos vencedores já estão sendo veiculados pelos canais de comunicação institucional da Assembleia, incluindo a grade de programação virtual, e pelos seus respectivos perfis nas redes sociais: Instagram, YouTube e outros. Além de exibidas na grade de programação da TV Assembleia, as apresentações também poderão ser compartilhadas com outras emissoras públicas parceiras. A critério da Assembleia, e em comum acordo com os artistas, as apresentações ainda poderão ser transmitidas em tempo real, no formato de lives.

Como podemos observar, o “Minas Arte em Casa” é um importante esforço da Assembleia para auxiliar na movimentação da chamada economia criativa, oferecendo condições para expressão artística durante o período de isolamento social, provocado pela pandemia do coronavírus. Uma iniciativa louvável, pois nosso Estado é um berço cultural e possui grandes expressões artísticas que merecem todo apoio. Na abertura do projeto, no dia 8 de junho, aconteceu um concerto com músicos da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais. Próximos eventos: nesta quarta, dia 24 de junho, artes cênicas/dança, com Dudu de Herrmann, dia 2 de julho, Grace Passô, com teatro adulto e no dia 10 de julho, música popular, com Tizumba. Mais informações: www.almg.gov.br

 

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários