Presente para os mineiros

Tio Flávio / 27/09/2019 - 06h00

Trazer boas notícias sobre o que acontece em Belo Horizonte é tudo que a gente quer, em todas as nossas colunas. Pois nesta semana a gente tem ainda mais motivos, pois eventos voltados a diversos públicos encantarão os seus participantes.

Na quinta-feira teve início o Primeiro Encontro Longeviver, que chegou para mudar a rotina de idosos e idosas, trazendo uma programação extensa e totalmente gratuita. O evento é idealizado e produzido por um dos grandes protagonistas e referência na cena da terceira idade belo-horizontina, o Grupo Cultural Meninas de Sinhá. 

Dividida em quatro temas, a programação oferece cursos, oficinas, cinema, palestras, debates e muitas atrações musicais, distribuídas em vários pontos da cidade. Entre as mais de 60 atrações, figuram nomes como Rolando Boldrin, Mestre Conga, Viva Viola, Diva Guimarães, Ephigênia Lopes, Meninas do Mocambeiro e As Galvão, que comandaram a abertura do projeto.

Para ter acesso à programação completa e ter informações sobre as inscrições, basta acessar o site meninasdesinha.org.br.

E o livro “Faz de Conta Que é Assim” será lançado neste sábado (28), das 15h às 17h, no piso 2 do Boulevard Shopping. 

O câncer tem cura e o seu diagnóstico em estágio inicial é essencial para o sucesso do tratamento. Para alertar as pessoas sobre a importância do tema, diversas ações acontecem em Belo Horizonte. O lançamento do livro é mais uma iniciativa, dentro do Setembro Dourado, que busca promover a conscientização do público sobre o câncer infantojuvenil.

“A obra convida o leitor a se divertir e a conhecer o mundo de faz de conta das crianças e adolescentes da Casa Aura, por meio de 15 histórias criadas e ilustradas pelas crianças, que foram inspiradas em suas experiências e expectativas”, relata a psicopedagoga da Casa Aura, Sarah Castilho. 

A Casa Aura é uma organização filantrópica que acolhe crianças e adolescentes em tratamento oncológico em Belo Horizonte e funciona como uma segunda casa para famílias que vêm de diversas cidades mineiras, e até mesmo de outros estados, e que precisam de apoio durante o tratamento do câncer. 

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários