Plástica deixa Nissan Altima mais invocado

Marcelo Ramos - Hoje em Dia
24/09/2015 às 07:14.
Atualizado em 17/11/2021 às 01:50
 (Nissan)

(Nissan)

Vender sedã médio nos Estados Unidos (sedã grande no Brasil) não é uma tarefa simples. Na terra do Tio Sam, o Toyota Camry é o soberano absoluto do segmento, assim como o Corolla faz por aqui no nosso segmento de médios. Mas para a Nissan, todo concorrente é um rival a ser batido, e para dar mais fôlego ao Altima, a marca acaba de promover uma atualização de estilo, que basicamente se concentrou nos para-choques, faróis e lanternas.

As mudanças foram bem-vindas e deu um ar menos conservador ao sedã. Por dentro, as mudanças são mínimas e se concentram em detalhes de mínimos de acabamento e mantém o excelente pacote de conteúdo com direito a ar-condicionado digital, controlador de velocidade, sistema multimídia, áudio de alta fidelidade e outros mimos imprescindíveis nesse segmento.

Sob o capô, os motores 2.5 de 182 cv e V6 3.5 de 270 cv também não sofreram alterações, mantendo transmissão automática Xtronic do tipo CVT.

Para o Brasil, a atualização chegará no ano que vem, já que a Nissan mensura o volume de importação do México de acordo com sua cota estabelecida pelo Governo Federal, em que o bem-sucedido Sentra tem prioridade estratégica.
 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por