Brasileiro "raiz" sabe: 6 de janeiro é Dia de Reis. Ao redor do mundo, a data também é celebrada, mas recebe nomes diferentes. Em terras tupiniquins, é quando fazemos a velha e boa simpatia da romã, fruta que, diga-se de passagem, só é lembrada de verdade neste dia. Não é mesmo?

Dizem que o ritual, perpetuado há séculos na cultura brasileira, atrai prosperidade, especialmente financeira. E num ano após 2020, tão conturbado e cheio de adversidades, não custa nada tentar de tudo para ter uma vida mais próspera, tranquila e feliz.

Fruta romã

No Brasil, a simpatia com a fruta é perpetuada há séculos

Anote a receita da simpatia da romã e compartilhe com quem possa gostar dela:

Pegue uma romã e retire 9 sementes pedindo aos três reis magos, Baltazar, Belchior e Gaspar, para que nesse ano você tenha muita saúde, amor, paz e dinheiro. Em seguida, guarde 3 sementes na carteira para que nunca falte dinheiro. Coma outras 3 e as que sobrarem jogue para trás fazendo um pedido especial. 

Reza a lenda que quem se curva à tradição não passa aperto financeiro. Melhor não pagar para ver!