Há 10 anos você seria taxado de mentiroso se dissesse que era possível rodar games pesados com o máximo de performance num notebook. Hoje isso se tornou trivial, anualmente novos portáteis surgem com desempenho semelhante aos grandes e iluminados gabinetes dos gamers ou designers mais exigentes. E a Acer acaba apresenta o Predator Triton 500.

O modelo chega repleto de novidades como capacidade para até 32 GB e RAM, e 2 TB de armazenamento em formato SSD M2, que é a palavra em storage. Ela também chega com placa de vídeo Nvidia GeForce Super RTX, que permite resoluções extremamente altas. Mas são recursos que muitos concorrentes já oferecem. No entanto, a fabricante garante que tem um ás na manga.

Ovo de Colombo
A nova máquina promete deixar no passado o grande gargalo dos notebooks de alta performance, o calor. Batizada de Vortex Flow, a solução encontrada pela Acer foi instalar três ventoinhas, de metal e pontas serrilhadas que são capazes de elevar a eficácia do resfriamento em até 33%, quando comparado com o modelo da linha anterior. 

O sistema cria um fluxo contínuo de ar, capaz de aumentar ou reduzir o fluxo de acordo com a temperatura do processador e da GPU. Se realmente for capaz de manter a temperatura estável, o Predator Triton 500 figura com uma das máquinas mais interessantes do mercado, pois ano a após ano surgem novos recursos para dissipar calor e muitos deles acabam se tornando obsoletos pouco depois.

Nos últimos anos, testamos diferentes máquinas de alta performance, cada uma com uma solução que não foi para frente. A Samsung, em seu primeiro Odyssey trazia uma grelha no fundo do chassi. Já no modelo atual, substituiu por um sistema de refrigeração líquida, que se mostrou muito eficaz em nossos testes. 

Autonomia
Ainda segundo a Acer, seu notebook promete autonomia de até 7 horas com uma carga de bateria. Claro, que utilizando no modo econômico. Se o amigo resolver jogar "Doom Eternal", apenas na bateria, certamente ela irá drenar com um terço do tempo. 

Por hora, novo Predador Triton 500 ainda não tem data para chegar ao mercado brasileiro. Atualmente a marca oferece a linha 2019, com a versão Helios 300, que pode ser encontrado com preços que giram entre R$ 7.500 e R$ 8 mil. Apesar de mais modesto, ele também conta com armazenamento em M2 (256 GB), direcionado para sistema operacional e aplicativos pesados, além de HD de 2 TB e 16 GB de RAM.