Que café combina com pão de queijo quentinho e bolo recém-saído do forno, disso ninguém duvida. Mas e se a bebida for servida gelada? Torceu o nariz? Melhor rever seus conceitos sobre o “pretinho básico” mais querido entre os brasileiros. Variação perfeita para os dias mais quentes, o cold brew nada mais é do que uma versão de grãos moídos extraída a frio.

Diferentemente da forma tradicional de preparo, é feito lentamente (por até um dia inteiro) e não entra em contato com água quente. O resultado é uma bebida mais aromática, livre de amargor. “De modo geral, é consumido com gelo, para ficar ainda mais refrescante. As características também são bem diferentes ao paladar em relação ao famoso cafezinho coado. É mais leve e adocicado, menos ácido e pode ter até 30% menos cafeína”, explica a barista Júlia Fortini, da Academia do Café, em Belo Horizonte. 

Aprenda, com o barista César Ricardo, a preparar duas receitas:

 

Na garrafinha

Atual campeã brasileira de preparo de café, ela desenvolveu uma receita que é vendida pronta em garrafinhas de 250 ml. Pasteurizado, o cold brew, fechado, tem validade de 45 dias e de até três na geladeira depois de aberto. Mas quem quiser se arriscar e preparar o próprio café frio em casa mesmo, pode! A barista recomenda, no entanto, dar preferência aos tipos especiais de grão, para obter um resultado perfeito – ou o mais próximo disso. 

Supermercados e empórios de todo o país já comercializam este tipo de produto. Em avaliações sensoriais feitas por especialistas, cafés classificados como especiais conseguem pelo menos 80 pontos numa variação de 0 a 100. Dentre os quesitos avaliados estão doçura, intensidade das notas, acidez e equilíbrio. Observe o rótulo antes de levar para casa!

Como fazer

Outra dica da profissional é usar água filtrada e uma moagem bem grossa, uma vez que o café ficará em contato com a água por bastante tempo – 12h a 24h (confira receita abaixo). Cafés fininhos, como os que fazemos com água quente, não funcionarão para o cold brew. 

Café gelado

Extraída a frio, bebida é diferente da tradicional: mais adocicada e menos ácida

COLD BREW COFFEE

- Ingredientes:

130 gramas de café de qualidade e moagem grossa 
600 ml de água filtrada
Filtro de tecido ou papel (escaldado em água fervente para tirar o sabor residual)

- Modo de preparo:

Numa cafeteira própria para cold brew* ou em uma jarra com tampa hermética, acrescente o café e a água fria e misture bem. Feche a tampa e deixe em repouso por 12 a 24h em temperatura ambiente ou na geladeira. Depois deste tempo, transfira o café da jarra para outro recipiente, passando-o pelo filtro de tecido ou papel. Aproveite o cold brew puro, com gelo ou misturado a leite, creme, sucos ou bebidas alcoólicas.
A receita pode ser conservada em geladeira por uma semana a dez dias.

*Existem equipamentos específicos para preparo de cold brew, como a cafeteria Mizudashi Hario, de origem japonesa, ou mesmo a prensa francesa.

Bebida pode servir de base para drinks com ou sem álcool

Mais do que servida sozinha, num copo com gelo, a versão geladinha da segunda bebida mais consumida no mundo (atrás apenas da água) pode servir de base também para o preparo de drinks com ou sem álcool. 

Quem dá as dicas é o barista César Ricardo, do Evü Restaurante, em BH. Inaugurado no início do ano, fechado em função da pandemia, mas já reaberto, o estabelecimento tem o cold brew como uma das estrelas do cardápio de verão. Dentre as possibilidades servidas estão o cold brew tropical, que leva limão siciliano ou laranja, o cold brew com tônica e hortelã e até uma inusitada, mas deliciosa, mistura com açaí. 

César Ricardo ensina que para escolher a “companhia” perfeita da versão fria do café é preciso levar em conta as características originais da bebida. Quem for se aventurar em casa pode ir pelo caminho mais básico, digamos, e apostar em ingredientes levemente cítricos, como limão siciliano e laranja, ou ainda no leite, sem erro. 

Ler a embalagem e observar as notas do produto escolhido também pode ajudar nas combinações, que devem realçar o sabor original. 

Leia mais:

Coador, filtro de papel, prensa francesa ou expresso? Qual preparo de café te agrada mais?

Do bule ao prato: queridinho dos brasileiros, café é 'tempero' de pratos doces e salgados

Tão nobre quanto ouro: feita por experts, classificação de café leva em conta 10 quesitos