SÃO PAULO - Um mix de texturas tomou conta da passarela montada na Pinacoteca do Estado de São Paulo para o desfile da Bobstore, que mostrou coleção para o Outono-Inverno 2020, na manhã desta terça (15). A apresentação fez parte do primeiro dia oficial de desfiles da maior semana de moda da América Latina - São Paulo Fashion Week (SPFW).

As criações do head de estilo da marca, o belo-horizontino André Boffano, primaram pelo ar contemporâneo e sofisticado. Modelagens assimétricas foram o carro-chefe das produções, ao lado das sobreposições de tecidos fluidos e pesados.

Veja o que André Boffano falou à nossa reportagem:

Assim como a Ellus, que desfilou coleção no domingo (13), a Bobstore veio com detalhes utilitários nas roupas, como bolsos e botões de pressão. Na paleta de cores, o mineiro explorou tons frios como preto, azul e roxo, fazendo uma transição para os terrosos e bege. Para arrematar, bolsas pequenas e com longas franjas, além, claro, das botas e dos chapéus.

Leia mais:

SPFW discute a moda frente ao desafio do excesso de informação

"A principal inspiração foi o trabalho da artista sueca Hilma af Kint. Fiz na Pinacoteca porque foi o local da primeira exposição das obras dela, em 2018. Fui ver várias vezes e fiquei apaixonado com o trabalho dela, pois tem a ver com arte e espiritualidade. Ela é considerada como a pioneira do abstracionismo no mundo. Grande parte das obras dela eram feitas em sessões espíritas", relatou Boffano.

(*) Viajou a convite do evento