As celebrações de fim de ano, neste 2020, estão diferentes, em função da pandemia. Mas quem decidir confraternizar com o próprio círculo familiar (recomendação de infectologistas para evitar a propagação do coronavírus) pode optar, também, pelos tradicionais fogos de artifício, que são a cara das boas-vindas ao ano novo, mas um problema e tanto para os animais de estimação!

Para evitar que os bichinhos sofram com o barulho, extremamente estressante para a audição deles, a veterinária Karina Mussolino, gerente de clínicas da Pet listou 8 dicas importantes. "Com a audição muito mais sensível que a dos humanos, os pets sofrem com o estampido dos fogos. No caso dos cães, coração acelerado, salivação excessiva e tremores são indicativos de que algo não está bem", explica a profissional.

Confira na galeria abaixo o que fazer para deixá-los menos desconfortáveis diante do problema.