Se o “faça você mesmo” na área da beleza chegou para ficar em muitos lares brasileiros (leia mais nesta reportagem: Salão de beleza em casa: Google mostra como a pandemia estimulou mudanças no consumo do setor), o consumo por produtos para este fim (já altíssimo no país) vai se modificando e a forma de adquiri-los, também. Prova disso são os movimentos feitos pelas duas maiores marcas de cosméticos nacionais de 2020 pra cá.

Na Natura, onde a jornada de digitalização do modelo de negócios já estava em curso, as vendas pelos canais digitais cresceram significativamente e a criação do modelo chamado social selling foi uma das principais apostas.

"Hábitos de consumo foram influenciados pela pandemia. Além do esperado incremento na compra de itens de higiene pessoal, as pessoas passaram a investir mais no autocuidado e em rituais de beleza, adquirindo mais produtos para essa finalidade, como fragrâncias e itens para cuidados com o corpo e com os cabelos"
Fernanda Rol
Diretora de Marketing da Natura

“As consultoras podem interagir com os clientes pelas redes sociais, seja compartilhando revistas digitais interativas por aplicativos ou divulgando oportunidades e promoções personalizadas. Com isso, conseguimos ajudar a garantir um crescimento de produtividade da rede de consultoras de 13,8% no balanço de resultados mais recente, do 3º trimestre de 2020”, explica Fernanda Rol, diretora de Marketing da Natura.

Já n’O Boticário, além da repaginação do e-commerce – que agora conta com “Espelho Virtual”, que permite que o consumidor “experimente” os produtos preferidos de maquiagem on-line –, foi o WhatsApp a ferramenta escolhida para dar vazão aos pedidos dos clientes. 

“Pensamos em iniciativas para que os clientes pudessem comprar de forma virtual os produtos da loja física mais próxima ao endereço, o que se tornou possível com o lançamento do nosso WhatsApp oficial, unindo a inteligência artificial à experiência do atendimento presencial, garantindo a entrega em domicílio de forma ágil e segura”, explica Gustavo Fruges, diretor de Comunicação e Marca d’O Boticário.

De acordo com a marca, o serviço de atendimento por chat oferecido funciona da seguinte forma: "primeiro direciona o cliente para uma loja próxima do local de entrega. A partir de então, quem passa a atender o cliente via Whats é um time de especialistas em beleza da loja, que irá auxiliar em toda a jornada de compra de forma individual. Por ali, cliente e atendente também combinam o horário da entrega dos pedidos no endereço, geralmente feita no mesmo dia".

Leia mais sobre moda e beleza em:

Elementos da natureza são mote de criação de muitas coleções do Verão 2021

Aprenda 5 passos para evitar que a pele sob a barba fique desidratada

Códigos visuais: traços faciais dizem muito mais sobre sua personalidade do que você imagina!