A série "Mortal Kombat" vem rompendo a barreira do tempo, junto com sua concorrente "Street Fighter", desde os anos 1990. Edição após edição, Sub-Zero, Scorpion, Johnny Cage, Rayden e sua trupe se estapeiam em batalhas sangrentas. 

E nas últimas edições, o time de lutadores passou a contar com "convidados", como o xenomorfo de "Aliens", Jason, de "Sexta-Feira 13", o ciborgue T-800, de "O Exterminador do Futuro", assim como "colegas" do universo D.C Comics, como Batman, Super-Homem e Coringa. E o mais novo participante da carnificina é o lendário policial Alexander James "Alex" Murphy, conhecido pela bandidagem como RoboCop. 

 

Isso mesmo, o policial do futuro fará parte de "Mortal Kombat: Aftermath", que acaba de estrear por R$ 249,90. Trata-se de uma edição estendida do game original. Além do personagem do cinema, que contará com as vozes do ator Peter Weller (que encarnou o personagem no cinema), o game ainda contará com o acréscimo dos personagens Sheeva e Fujin, que irão ampliar o modo história do game.

"MK11" tem uma modo história, assim como em "Injustice 2" e "Marvel vs Capcom Infinite", com um enredo tão safado quanto o longa-metragem de 1995 e sua sequência de 1997. A cada animação rola uma luta. Para avançar na história é preciso vencer os duelos.

Outra novidade do game é que o retorno da finalização Friendship. Trata-se de um um fatality carinhoso, sem vísceras, mas abraços fofos. "Aftermath" também trará novos trajes para que os personagens do jogador tenha seu próprio visual nas batalhas online. 

"Mortal Kombat 11" tem versões para PC, PS4 e Xbox One.