O deputado Agostinho Patrus (PV) foi eleito presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), em votação na Casa nesta sexta-feira (1°), após a posse dos deputados. 

Agostinho teve 75 votos dos 77 parlamentares. Isso porque Virgílio Guimarães (PT) não votou e Hely Tarquínio (PV), que presidiu a sessão, não pode votar. Nos bastidores da Casa, Agostinho é considerado um conciliador, que tem bom trânsito com o governador Romeu Zema (Novo).

Além de Agostinho, foram eleitos para a Mesa Diretora da Assembleia os deputados Antonio Carlos Arantes (PSDB), para 1º-vice-presidente; Cristiano Silveira (PT), para 2º-vice; Alencar da Silveira Jr. (PDT), na 3ª-vice-presidência; Tadeu Martins Leite (MDB), para 1º-secretário; Carlos Henrique (PRB), para 2º-secretário; e Arlen Santiago (PTB), como 3º-secretário.

Leia mais:
Posse na ALMG é marcada por protestos contra rompimento de barragem e parcelamento do 13º
Posse de deputados mineiros nesta 6ª será 'tímida' em respeito às vítimas de Brumadinho