A Arquidiocese de Montes Claros, no Norte de Minas, anunciou, em seu site, o retorno das celebrações com a presença de fiéis a partir deste domingo (4). De acordo com o comunicado, a decisão está atrelada à medida do ministro Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal, tomada no sábado (3), que, em caráter liminar, liberou a realização de missas e cultos religiosos.

Dom João Justino de Medeiros Silva, arcebispo de Montes Claros, teria enviado,segundo o site, na noite de sábado, um comunicado aos párocos para que retomassem as celebrações presenciais neste domingo.

O arcebispo disse que era imprescindível que se tomassem medidas de prevenção ao contágio pela Covid-19, como:Ocupação máxima de 25% da capacidade dos templos:

- Ocupação de forma espaçada entre os assentos e modo alternado entre as fileiras de cadeiras ou bancos;
- Manter o espaço arejado, com janelas e portas abertas, sempre que possível;
- Obrigatoriedade quanto ao uso de máscara;
- Disponibilização de álcool em gel 70% nas entradas dos templos e sempre que necessário;
- Aferição de temperatura.

Leia mais:

Alexandre Kalil é intimado por ministro do STF a liberar cultos e missas em Belo Horizonte

Minas Gerais registra 120 vidas perdidas nas últimas 24 horas; total chega a 25.654 mortes

Minas Gerais registra 120 vidas perdidas nas últimas 24 horas; total chega a 25.654 mortes