A biometria passa a ser obrigatória para eleitores de mais 27 cidades de Minas Gerais. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o cadastramento biométrico nesses municípios começou nesta quinta-feira (2). 

O eleitorado afetado ultrapassa 400 mil pessoas e, deste total, somente cerca de 68 mil, o que equivale a 17%, já passaram pelo registro da biometria. O prazo para a conclusão do procedimento varia entre outubro de 2019 e fevereiro de 2020. 

Confira abaixo a lista das cidades com biometria obrigatória:

Antônio Prado de Minas; Baldim; Cachoeira da Prata; Casa Grande; Cruzeiro da Fortaleza; Delfim Moreira; Eugenópolis; Fortuna de Minas; Funilândia; Imbé de Minas; Inhaúma; Itajubá; Itambé do Mato Dentro; Jequitibá; Mercês; Ouro Branco; Patrocínio do Muriaé; Pedra Dourada; Pingo d'Água; Rio Pomba; Santana de Pirapama; Sete Lagoas; Silveirânia; Tabuleiro; Tocantins; Tombos e Wenceslau Braz.

O TRE frisa que o comparecimento para fazer a biometria nesses municípios é obrigatório. Aqueles que já coletaram a assinatura, foto e digitais não precisam fazer o cadastro novamente.

Atendimento

Para fazer o recadastramento biométrico, basta comparecer a um cartório eleitoral, central ou posto de atendimento levando documento oficial de identidade que comprove a nacionalidade brasileira e comprovante de endereço. 

São aceitos como documento a carteira de trabalho, carteira de identidade, carteiras emitidas por órgãos reguladores de profissão, certidão de nascimento ou de casamento. Não são aceitos a carteira de habilitação e o novo passaporte. Homens que vão fazer o alistamento eleitoral devem apresentar também comprovante de quitação do serviço militar.

O horário de funcionamento dos cartórios, centrais e postos é de segunda a sexta-feira, de 12h às 18h. Para evitar filas, o atendimento pode ser agendado no site do TRE ou pelo Disque-Eleitor, pelo telefone 148.

Biometria em Minas

Até o dia 29 de abril, 5.213.562 eleitores em todo o Estado já haviam feito o recadastramento biométrico. Isso representa 33,08% do eleitorado mineiro, que é de 15.762.722.