Chegaram na manhã desta quinta-feira (4) os insumos para que o Instituto Butantan fabrique mais 14 milhões de doses da vacina CoronaVac. A carga, vinda da China, desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. É a maior remessa de matéria-prima recebida até o momento.

O lote enviado pelo laboratório Sinovac tem 8,2 mil litros de insumo farmacêutico ativo (IFA). No dia 10, o Butantan havia recebido 5,6 mil litros de IFA e no dia 3, uma remessa de 5,4 mil litros.

Desde o dia 17 de janeiro, o Butantan entregou 14,4 milhões de doses de vacina que foram distribuídas para todo o país pelo Sistema Único de Saúde (SUS). 

A previsão é que até o final deste mês, o instituto forneça mais 21 milhões de doses e que até o final de abril tenha sido entregue um total de 46 milhões de doses.

Leia mais:
Ministério da Saúde inicia distribuição de nova remessa de 2,5 milhões doses da CoronaVac
Sem registrar eventos adversos graves, Anvisa reforça que vacinas usadas no Brasil são seguras
Sexto lote com 285 mil doses da vacina contra a Covid-19 chega a Minas