Os candidatos que não foram selecionados nas duas chamadas do Programa Universidade para Todos (ProUni) devem estar atentos ao prazo de inscrição na lista de espera, que dura apenas dois dias: nesta segunda (2) e terça-feira (3). A adesão será online, clique aqui.

O resultado com a relação dos candidatos participantes da lista de espera será divulgado no dia 6 de março. O integrante da lista, que for convocado, terá os dias 10 e 11 para apresentar a documentação e fazer a matrícula na instituição de ensino na qual pretende estudar. Após o processo, a instituição terá prazo para avaliar os documentos.

As bolsas integrais são para os estudantes com renda bruta familiar, por pessoa, até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais pagam 50% da mensalidade e são destinadas aos candidatos com renda bruta familiar até três salários mínimos por pessoa. O bolsista parcial poderá usar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para custear o restante da mensalidade.

Critérios para participar

Poderá participar da lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à sua primeira opção, o candidato com os seguintes pré-requisitos: não pré-selecionado nas chamadas regulares; e pré-selecionado em sua segunda opção de curso, reprovado por não formação de turma.

Poderá participar da lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à sua segunda opção, o candidato que: não pré-selecionado nas chamadas regulares em que tenha ocorrido não formação de turma na sua primeira opção de curso; não pré-selecionado nas chamadas regulares em que não existam bolsas disponíveis na sua primeira opção de curso; pré-selecionado em sua primeira opção de curso, reprovado por não formação de turma.