A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) publicou nesta quarta-feira (3), no Diário Oficial da União (DOU) despacho para corrigir a divisão do montante de R$ 1,183 bilhão que deverá ser repassado da Conta no Ambiente de Contratação Regulada (Conta-ACR) às distribuidoras até 8 de dezembro. O valor global desse repasse - R$ 1,183 bilhão - foi divulgado na terça-feira (2), e está mantido, mas o novo despacho modifica a fatia destinada às empresas.

Com a mudança, a Light, por exemplo, teve sua cota reduzida de R$ 107,6 milhões para R$ 104,7 milhões. Assim como a Cemig, que receberá neste mês R$ 204 milhões e não mais R$ 216 milhões. Já a Copel teve sua parte ampliada de R$ 40 milhões para R$ 57,9 milhões. Ampla e Bandeirante também tiveram redução, de R$ 51,5 milhões para R$ 50,9 milhões, e de R$ 6 milhões para R$ 5,8 milhões, respectivamente.

O valor de R$ 1,183 bilhão é uma das parcelas do segundo empréstimo - de R$ 6,6 bilhões - feito pelo governo via Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) para socorrer o setor. Essa parcela servirá para liquidar operações do mercado de curto prazo do mês de outubro.