BNDES cumpre acordo de R$ 67 bilhões em pagamentos ao Tesouro Nacional

Agência Brasil
29/12/2021 às 15:07.
Atualizado em 04/01/2022 às 00:15
 (Divulgação/BNDS)

(Divulgação/BNDS)

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) fez nessa terça-feira (28) a antecipação de R$ 3,5 bilhões de passivos com o Tesouro Nacional. De acordo com a instituição, com esse pagamento, foi cumprido o acordo feito com o Ministério da Economia no valor de R$ 67,5 bilhões. “Dessa forma, foi atingido o montante pactuado no cronograma de compromisso firme do plano de devolução acordado com o Ministério da Economia e aprovado pelo Tribunal de Contas da União (TCU)”, informou.

Segundo o BNDES, a liberação é em complemento ao comunicado divulgado em 16 de dezembro, no qual informou que o TCU, em reunião plenária realizada na véspera, “considerou adequados os cronogramas apresentados pelo Banco no âmbito do Acórdão 56/2021-Plenário, exceto pela não inclusão da devolução dos R$ 13,3 bilhões em Instrumentos Elegíveis a Capital principal (IECP), que se encontra em discussão na Câmara de Mediação e de Conciliação da Administração Federal (CCAF/AGU)”, apontou.

Ainda no comunicado, o BNDES indicou que “o plano de devolução apresentado e acordado pela instituição com o Ministério da Economia abrange um cronograma de compromisso firme e um cronograma em regime de melhores esforços, cuja efetiva execução ficará sujeita ao seu planejamento financeiro e condicionada a análises de liquidez, fluxo de caixa, riscos, entre outras”, informou.

O BNDES destacou ainda no documento do dia 16 de dezembro, que até aquele momento já tinha realizado a amortização de R$ 64,1 bilhões de passivos junto ao Tesouro Nacional em 2021.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por