Após a proposta de reforma da Previdência passar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, a bolsa de valores registra queda nesta manhã. O dólar está em alta.

Por volta das 11h desta quarta feira (24), o Ibovespa, índice da B3 (antiga Bolsa de Valores de São Paulo) acusava 95.034,92 pontos, com queda de 0,93%. O dólar comercial estava cotado para venda a R$ 3,95, com alta 0,94%.

Na terça-feira (23), a CCJ da Câmara dos Deputados aprovou, por um placar de 48 votos a 18, o texto do relator, deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG), pela admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição (PEC 6/19), que trata da reforma da Previdência.

A PEC segue agora para análise de uma comissão especial que, segundo a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann, deve ser instalada nesta quinta-feira (25). A PEC da reforma da Previdência está em tramitação na Câmara há dois meses.

Para concretizar a aprovação de seu relatório, o deputado Delegado Marcelo Freitas apresentou uma complementação de voto para retirar quatro prontos da proposta, que, segundo ele, estavam em desacordo com a Constituição.

O parlamentar anunciou a medida na terça-feira, acompanhado do secretário especial de Previdência, Rogério Marinho. Os quatro itens suprimidos da proposta foram negociados com líderes da base governista.

O principal deles é o fim do pagamento da multa de 40% do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do recolhimento do fundo do trabalhador aposentado que voltar ao mercado de trabalho.

Leia mais:
Rede social Pinterest estreia na bolsa com alta de 28%
Só 8% dos brasileiros conseguiram poupar para investir no ano passado
Brasileiros acreditam que inflação será de 5,3% nos próximos 12 meses