BRUXELAS - A Comissão Europeia autorizou nesta segunda-feira (3) a compra da fábrica Heinz pela holding Berkshire Hathaway, de Warren Buffett, associada ao grupo brasileiro de investimento 3G Capital, ao considerar que a operação não representa um problema para a concorrência no setor.

A Comissão investigou as consequências eventuais desta aquisição nos mercados de molhos e comidas rápidas, já que a 3G também é proprietária da rede de hambúrgueres Burguer King.

A comissão chegou à conclusão de que a operação "não representa um problema para a concorrência, já que existem grupos competidores confiáveis e, além disso, é necessário levar em conta as relações já existentes entre a Heinz e o Burger King", de acordo com um comunicado.

A compra da norte-americana Heinz pela Berkshire Hathaway e a 3G Capital já tinha sido anunciada no dia 14 de fevereiro. A operação elevou o preço da empresa a 28 bilhões de dólares.