Caminhoneiros pedem 60 dias de prazo de desconto de 10% do preço do diesel

Estadão Conteúdo
primeiroplano@hojeemdia.com.br
27/05/2018 às 09:25.
Atualizado em 03/11/2021 às 03:17
 (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

(Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O governador de São Paulo, Márcio França (PSB), se reuniu sábado, 26, à noite com o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun, e representantes dos caminhoneiros. Conforme nota divulgada pelo governo paulista, o objetivo foi articular junto ao Planalto o atendimento de reivindicações da categoria dos caminhoneiros, visando à suspensão da paralisação.

Segundo a nota, as reivindicações serão discutidas neste domingo, 27, em Brasília. Entre as medidas, está o aumento do prazo de 30 para 60 dias do congelamento do desconto de 10% do preço do diesel; a garantia de que a redução de 10% no preço do diesel chegue às bombas nos postos de combustível; e a suspensão da cobrança de tarifa de pedágio para o terceiro eixo elevado dos caminhões.
http://www.estadao.com.br

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por