SÃO PAULO - Frete grátis e preços baixos desbancam os serviços de entrega rápida na lista de preferências dos norte-americanos que compram on-line. A conclusão é fruto de uma pesquisa publicada recentemente pelo BCG (Boston Consulting Group).

Quando perguntados sobre o que os levaria a fazer mais compras eletrônicas, 74% dos entrevistados destacaram a opção do delivery gratuito. Metade das pessoas ouvidas responderam que preços menores influenciariam na compra e 35% citaram devolução sem custo adicional.

Entre os fatores que contribuem menos para o comércio on-line estão as opções de entrega rápida (15%) e a garantia de que a mercadoria chegará no mesmo dia (9%). Às empresas que pretendem investir recursos para agilizar o despacho de produtos, a BCG recomenda ficar no segmento dos consumidores de 18 a 34 anos que têm mais renda, público mais suscetível a fazer compras com entrega no mesmo dia.

As demais empresas, de acordo com o BCG, devem se preocupar com outras maneiras de acrescentar valor ao seu serviço: rastreamento de mercadorias e otimização do serviço de entrega para todos os consumidores são os passos mais indicados. Só depois disso, recomenda-se que empresas criem serviços premium, com tarifas mais altas.