Demanda doméstica da aviação cai 3,35% em abril, diz Anac

Folhapress
31/05/2013 às 21:07.
Atualizado em 20/11/2021 às 18:44

A demanda doméstica do transporte aéreo de passageiros teve sua primeira redução para um mês de abril desde 2000, início da série histórica, segundo divulgou a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) nesta sexta-feira (31). A redução no mês foi de 3,35% em comparação a abril 2012.   Com o resultado de abril, a demanda doméstica acumulou queda de 1,74% nos primeiros quatro meses de 2013.  A oferta doméstica (assentos-quilômetros oferecidos - ASK), por sua vez, sofreu redução de 4,06% no mesmo mês. O índice vem registrando queda há oito meses consecutivos. Com os dados referentes a abril, a oferta doméstica acumulou redução de 6,92% nos primeiros quatro meses de 2013.   A taxa de aproveitamento dos voos domésticos de passageiros completou uma série de 12 meses consecutivos de crescimento em abril de 2013, quando o índice alcançou 72,33% no mês - alta de 0,74 pontos porcentuais em relação ao mesmo mês de 2012, quando a taxa registrou 71,80%. No acumulado do ano, o aproveitamento atingiu 73,91%, demonstrando uma melhora de 5,57% em relação aos quatro primeiros meses do ano passado.    Em relação à participação de mercado doméstico, a TAM e a Gol lideraram o mercado doméstico no mês, com participação de 38,42% e de 36,24%, respectivamente. Entre as principais empresas aéreas, Avianca e Azul registraram o maior crescimento na participação no período se comparada ao mesmo mês de 2012. A Avianca passou de 4,98% para 7,13% (crescimento de 43,26%) e a Azul de de 9,94% para 13,44% (crescimento de 35,19%).   Voos Internacionais   A demanda do transporte aéreo internacional de passageiros das empresas aéreas brasileiras, por outro lado, completou uma série de seis meses consecutivos de crescimento, com aumento de 1,49% em abril de 2013 em comparação ao mesmo mês do ano passado. De janeiro a abril deste ano, a demanda acumulou crescimento de 5,48% em relação aos quatro primeiros meses de 2012.    Já a oferta internacional teve alta de 9,39% no mês, o que fez com que o índice completasse uma série de seis meses consecutivos de crescimento e o maior nível para o mês desde o ano 2000. No acumulado de janeiro a abril de 2013, a oferta registrou alta de 15,63% em relação aos quatro primeiros meses do ano passado.    Em relação à participação de mercado, a TAM e a Gol representaram a totalidade das operações de empresas brasileiras no transporte aéreo internacional de passageiros em abril, com 88,74% e 11,26%, respectivamente.  Enquanto a TAM registrou redução de 1,67%, a Gol teve crescimento de 15,32% na participação em abril de 2013 quando comparado ao mesmo mês de 2012.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por