O governo da Grécia apresentou uma proposta para um acordo de dois anos com o fundo de resgate da zona do euro, com o objetivo de cobrir as necessidades financeiras do país, de acordo com um comunicado emitido pelo escritório do primeiro-ministro, Alexis Tsipras.

"O governo grego propôs nesta terça-feira um acordo de dois anos com o Mecanismo de Estabilidade Europeu para cobrir totalmente suas necessidades financeiras e reestruturar sua dívida", diz o comunicado. O governo grego continua aberto a negociações, acrescentou.

"Desde o primeiro momento nós deixamos claro que a decisão de realizar um plebiscito não é o fim, mas a continuação das negociações com melhores termos para o povo grego", afirmou o escritório de Tsipras. Segundo o comunicado, o governo grego "vai buscar um acordo viável com o euro até o fim".

Um porta-voz do ESM, como é conhecido o Mecanismo de Estabilidade Europeu, não respondeu imediatamente se realmente recebeu uma proposta da Grécia. Fonte: Dow Jones Newswires.