A indústria mineira cresceu acima da média brasileira em 2012. A produção industrial de Minas Gerais avançou 1,4% em 2012, contra um recuo de 2,8% do Brasil no mesmo período. A diferença foi puxada pela indústria automobilística e farmacêutica.

Os dados estão no Boletim Regional do Banco Central, que nesta edição tem um anexo sobre o desempenho do Estado e que foi divulgado nesta quinta-feira (21). Segundo o BC, as perspectivas para a economia mineira neste ano contemplam o dinamismo da indústria de transformação e da pecuária, além da retomada da indústria extrativa, favorecida pela elevação dos preços internacionais do minério de ferro no quarto trimestre de 2012.

Os projetos já divulgados de investimentos em Minas Gerais somam algo próximo a 11% do Produto Interno Bruto (PIB) do estado. Os dados foram cedidos pela Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg). Segundo o diretor de política econômica do BC, Carlos Hamilton Araújo, à medida que esses projetos forem saindo do papel, eles serão incrementos da oferta para o estado. Entre os projetos listados estão setores de mineração e siderurgia, além da expansão do aeroporto local.