A quantidade de usinas fechadas no Brasil por causa de dificuldades financeiras é de 83 unidades, entre 2008 e o fim de 2014. Juntas elas representam perda de capacidade de processamento de 75,4 milhões de toneladas de cana-de-açúcar. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (29), pelo presidente da consultoria Datagro, Plínio Nastari, em São Paulo.

Desse total, 64 usinas fecharam as portas no Centro-Sul, com perda de capacidade de moagem de 61,68 milhões de toneladas. As outras 19 unidades que encerraram as operações no período ficam na região Norte-Nordeste, reduzindo a capacidade de processamento em 13,71 milhões de toneladas. Conforme Nastari, o Brasil tem hoje capacidade instalada para processar entre 690 milhões e 700 milhões de toneladas de cana por safra.