A Caixa Econômica Federal divulgou, nesta segunda-feira (5), o cronograma para os saques de até R$ 500 de cada conta ativa e inativa do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do PIS. Os trabalhadores terão acesso aos recursos de maneira escalonada conforme a data de aniversário, a partir de 13 de setembro. A previsão do governo é de que as medidas anunciadas no mês passado para os fundos injetem R$ 30 bilhões na economia este ano e R$ 12 bilhões no próximo.

Os 33 milhões de trabalhadores que têm caderneta de poupança na Caixa receberão os recursos primeiro, automaticamente na conta. Nesse caso, os nascidos em janeiro, fevereiro, março e abril terão o depósito a partir de 13 de setembro. Já quem faz aniversário em maio, junho, julho e agosto terá os recursos depositados a partir de 27 de setembro. Quem nasceu em setembro, outubro, novembro e dezembro receberá os recursos nas contas da Caixa a partir de 9 de outubro.

Para quem não tem caderneta de poupança na Caixa, o calendário de saques começará apenas em 18 de outubro. Os saques por não clientes do banco seguirão essa ordem: nascidos em fevereiro (25/10), março (08/11), abril (22/11), maio (06/12), junho (18/12), julho (10/1), agosto (17/1), setembro (24/1), outubro (7/2), novembro (14/2) e dezembro (6/3).

O prazo final para que todos os trabalhadores realizem os saques de até R$ 500 por conta do FGTS é 31 de março de 2020. A expectativa do banco é de que até 96 milhões de pessoas saquem recursos do fundo. Nas casas lotéricas, poderão ser realizados saques de até R$ 100, com a apresentação de um documento de identidade e do CPF. Será feita a leitura da digital no momento do saque.

Para quem possui Cartão Cidadão e senha, o saque poderá ser feito nos terminais de autoatendimento, em unidades lotéricas ou correspondentes Caixa Aqui.

PIS

Já os saques do PIS obedecerão uma lógica diferente, por idade do beneficiário, sendo que os trabalhadores com conta na Caixa receberão os recursos a partir do dia 19 deste mês, independentemente da idade.

Os trabalhadores sem conta na Caixa que tenham mais de 60 anos poderão sacar os recursos a partir do dia 26 de agosto. Os beneficiários com até 59 anos poderão realizar os saques do PIS a partir de 2 de setembro. No caso do PIS, não há prazo limite para a retirada do dinheiro.

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, reafirmou que a Caixa está focada para o atendimento de todos os brasileiros. "Funcionaremos inclusive nos sábados e todos os executivos, inclusive eu, estaremos nas agências. Teremos diretores em todos os Estados e irei pessoalmente ao Norte e Nordeste", completou.

Leia mais:
FI-FGTS fará chamada pública para financiar novos projetos
Cronograma de liberação do FGTS será divulgado nesta segunda-feira
Caixa reduzirá juro em até 40% nas principais linhas de crédito