O empresário Vittorio Medioli (PHS) conquistou a maioria dos votos em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e tornou-se, neste domingo (2), o novo prefeito do município. Ele conquistou 61,64% do eleitorado e, segundo a Justiça Eleitoral, foi escolhido para ser o chefe do executivo por 119.750 moradores da cidade.

Bem longe do empresário, o segundo colocado, Ivair Nogueira (PMDB), conquistou a preferência de 15,44% dos eleitores (30.001 votos), seguido de Welinton Sapão (PPS), com 8,44% (16.393 votos).

Eutair Santos (PT) obteve 6,23% dos votos, Wenceslau Moura (PSB) 3,49% e Beto do Depósito (PSDB) 1,86%. Já Erasmo Carlos (PSC), Fernando Mendonça (PSL) e Wilson de Sousa (PSOL) tiveram, respectivamente, 1,25%, 0,64% e 0,38%. Os candidatos Zulu (PCB) e Dorinha (PSTU) obtiveram 0,31% dos votos.

No total, conforme balanço da Justiça Eleitoral, 278.233 eleitores foram às urnas em Betim. Nestes, 14.486 (6,14%) votaram em branco e 27.254 (11.55%) anularam o voto.